Ransomware para Mac se espalha por sites de torrent

Ransomware

O novo ransomware para Mac está circulando em vários sites de torrent, representando uma ameaça potencial aos compartilhadores de arquivos.

Origens do Ransomware :

De acordo com o Malwarebytes , o código malicioso se origina de um fórum russo e se disfarça de instalador se comportando como um aplicativo real conhecido como Little Snitch. O instalador “é atraente e profissionalmente empacotado”, o que significa que até usuários veteranos de torrents podem ser enganados por ele.

O Little Snitch é frequentemente usado para monitorar o tráfego de rede e permite que os usuários bloqueiem aplicativos de acessar redes compartilhadas.

O que faz :

Enquanto o malware instala o Little Snitch, as tentativas de iniciar o aplicativo falham. Um instalador para software de DJ chamado Mixed In Key 8 também está incluído, e suspeita-se que outros instaladores também estejam ocultos nos arquivos.

O malware em si aparentemente não fez nada nos experimentos da Malwarebytes até que eles o encorajaram a começar a criptografar configurações e arquivos, mas mesmo assim, “não era particularmente inteligente sobre quais arquivos criptografar”.

É isso?

O macOS Finder começou a ter problemas de desempenho, como demorar muito para responder e congelar. Alguns relataram ter visto arquivos com instruções para pagar um resgate, embora Malwarebytes não tenha conseguido replicar isso.

Permanecendo seguro :

Se você encontrar esse novo ransomware, verifique seu sistema com software antivírus, que deve detectar e remover o problema. O Malwarebytes para Mac o verá como Ransom.OSX.EvilQuest. Também é recomendável que você tenha vários backups dos dados do seu Mac.

“Mantenha pelo menos duas cópias de backup de todos os dados importantes e pelo menos uma não deve ser mantida anexada ao seu Mac o tempo todo. (O ransomware pode tentar criptografar ou danificar os backups nas unidades conectadas.) ”

Conclusão :

A melhor maneira de se proteger de malware é nunca baixar nada que pareça suspeito e verificar três vezes os arquivos e instaladores que parecem inofensivos. Os usuários frequentes de torrents já devem saber disso, mas nunca é demais lembrar o óbvio.

Via: LifeWire

Sobre o autor | Website

O Ultrali é um blog de tecnologia focado em assuntos como, VPN, Linux, Internet, Redes, Wordpress, CMS, Andorid, Carros e conteúdos tecnológicos atuais. Trazendo tutoriais, notícias, curiosidades e artigos.

Receba artigos e dicas no seu e-mail e fique sempre atualizado (é grátis)!

Eu quero!
100% livre de spam.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!